Cultura

Ribeira Grande acolhe encontro de boas práticas em inventário museológico

Realiza-se nos próximos dias 12 e 13 de outubro, repartido pelo Museu Vivo do Franciscanismo e Teatro Ribeiragrandense, o “I Encontro de Boas Práticas em Inventário Museológico: Desafios do património cultural”, uma organização da Câmara da Ribeira Grande e do CHAM – Centro de História d’Aquém e d’Além-mar”.

 

Tendo em conta que a classificação e o inventário museológico constituem uma fonte de conhecimento inesgotável e, simultaneamente, uma ferramenta de trabalho na gestão de coleções museológicas este encontro pretende debater os desafios que são colocados diariamente a todos os atores no processo museológico no que diz respeito ao registo e classificação dos acervos culturais.

 

O encontro vai reunir um conjunto diversificado de intervenientes da área do património cultural, desejando-se que esta reunião de experiências possa ser um exercício de reflexão e troca de conhecimentos em torno dos sistemas de informação dos museus e instituições que têm como missão a gestão cultural.

 

Ao longo dos dias de trabalhos vai colocar-se enfoque na normalização, estruturação e adequação dos dados preservados nestas instituições, independentemente do tipo de acervo ou do seu suporte.

 

O evento procura ainda atingir um público-alvo interessado nestas temáticas, composto não só por técnicos e funcionários dos museus, mas também por alunos universitários e sociedade civil de uma forma geral. Pretende também privilegiar as experiências e metodologias de trabalho utilizadas pelos profissionais da museologia e património.

Seja o primeiro a comentar.